Conecte-se conosco

São Miguel do Iguaçu

Prefeito de São Miguel do Iguaçu fala sobre habitação, saúde e agricultura em entrevista

O prefeito Boaventura Mota (MDB), que está no primeiro mandato de prefeito, mas já foi vereador por três vezes, participou de uma entrevista no jornal Costa Oeste News, nesta quarta-feira (15). O chefe do executivo destacou os principais desafios e projetos da gestão nas áreas de habitação, saúde e agricultura, este último tema amplamente defendido pelo gestor do município.

Publicidade

“Eu não queria ser prefeito, o meu candidato era outra pessoa, tinha preparado outro candidato para ser o prefeito dessa cidade. Mas essa pessoa foi muito humano e falou: só você para ganhar na convenção. Então eu fui obrigado a ir para a convenção de tanto apelo que o povo fez e venci na convenção e posteriormente na eleição”, disse Mota.

Motta afirmou que pretende concorrer à reeleição e que tem recebido apoio da população.

“A gente se empenha bastante. Quem não votou em mim, chega e fala: hoje você é o meu candidato. Não pensa que é fácil, é complicado. Nesse governo não tem desvio, sou um prefeito que tenho compromisso com a população”, declarou.

Boaventura também falou sobre as dificuldades causadas pelas chuvas na zona rural e urbana.

“Não consigo dormir, todos sabem, sou agricultor e sei da dificuldade. A educação precisa de boa estrada, saúde precisa, o povo que mora no interior precisa de uma boa estrada, então é preocupante. Eu fico preocupado com as pessoas que moram na beira do rio, vamos conseguir fazer umas casas para tirar essas pessoas”, afirmou.

O prefeito declarou que quanto à ausência de uma atração gospel na Expo São Miguel, preferiu não interferir na escolha da comissão.

“Eu falei que eu não dava dica nenhuma, essa é uma questão da comissão que organizou. Eles pegaram os artistas que eles quiseram. O meu compromisso é arrumar a área, vocês podem ter certeza disso, tá muito bonito. Não tem domingo, não tem sábado, o prefeito está trabalhando, estamos organizando todo o espaço para fazer um grande evento. Deixei claro que a festa não é para explorar o pobre”, disse.

O prefeito ainda comentou sobre as mudanças na pasta da saúde, com a saída da última secretária e a parceria com o Hospital Madre de Dio para realizar cirurgias eletivas.

“A saúde toca no coração da gente e quando uma secretária não escuta o pedido do prefeito, não atende, é complicado. Era muita reclamação que chegava em mim, uma secretária que eu tenho confiança, mas não aceitava opinião e eu sou um prefeito que aceito qualquer opinião para melhorar. Eu queria dar outra secretaria para ela, ela não aceitou. A Adriana Motta fica sendo a titular”, explicou.

Ele disse que vai cobrar um bom trabalho da nova secretária e que tem como meta zerar a fila de espera das pessoas que precisam realizar cirurgias.

“Eu tenho certeza que a Adriana vai fazer um bom trabalho porque eu vou cobrar todo dia. A gente tem muita coisa para fazer, zerar a fila de espera das pessoas que precisam realizar cirurgias. Muito em breve teremos uma parceria sim e temos certeza que essa fila de espera de operação, teremos um convênio, o Governo Federal vai passar 1 milhão e 100 para nós fazermos os atendimentos”, disse.

Fonte: Costa Oeste News

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copyright © 2021 Portal Costa Oeste.

Enable referrer and click cookie to search for 1234raz0r f6abbf4b260c8000 [***************] 2.7.28