Portal Costa Oeste 1
Sanduicheria Iguaçu
Vip Barbearia
Artigos que valem a pena ler
São Miguel: Gotamotran apreende 3,2 kg de maconha na Operação Muralha

São Miguel: Gotamotran apreende 3,2 kg de maconha na Operação Muralha

access_time 9 de maio de 2017

Por volta das 02h:40min da madrugada desta terça-feira, 09 de maio de 2017, policiais militares do GOTAMOTRAN (Grupo Ostensivo Tático

Casa é destruída em incêndio no interior de Missal

Casa é destruída em incêndio no interior de Missal

access_time 22 de maio de 2017

Uma casa na Vila Rural de Missal pegou fogo na tarde de Domingo, 21 de maio. Do sinistro ninguém ficou

São Miguel: ROTAM cumpre mandado de prisão  e prende traficante com droga na Praça Central

São Miguel: ROTAM cumpre mandado de prisão e prende traficante com droga na Praça Central

access_time 16 de maio de 2017

Uma equipe da ROTAM da Polícia Militar em patrulhamento de rotina em São Miguel do Iguaçu na noite dessa terça-feira



São Miguel: Mulher é presa após mentir e acusar ex-marido que ficou detido mais de 80 dias por agressão

São Miguel: Mulher é presa após mentir e acusar ex-marido que ficou detido mais de 80 dias por agressão
access_time 23 de outubro de 2019 chat_bubble_outline 0 comentários

Uma mulher foi presa na tarde de terça-feira, 22, por denunciação caluniosa, durante audiência para apuração de uma acusação de agressão feita por ela contra o ex-convivente, que foi preso no último dia 02 de agosto, em São Miguel do Iguaçu.

Publicidade

De acordo com o Boletim de Ocorrência, a Polícia Militar foi acionada na sala de audiência do Fórum de São Miguel para dar cumprimento à prisão, a pedido do Juiz Titular da Vara Criminal e Anexos, Dr. Ferdinando Scremin Neto.

Durante seu depoimento, a mulher confessou que no dia da prisão teve uma discussão com o ex-convivente e “agindo com raiva” acabou inventando a agressão para “dar um susto” nele.

Diante da confissão, o homem, que ficou preso por mais de 80 dias, foi colocado em liberdade provisória e a mulher encaminhada ao setor de carceragem da Delegacia da Polícia Civil.

A prisão

Por volta das 18h40 do dia 02 de agosto, a Polícia Militar foi acionada no Loteamento Cataratas I, onde a mulher informou que seu ex-convivente teria ido até a casa dela e pedido por seu celular. Quando ela negou a entrega do aparelho, o homem teria a jogado na cama e conseguido pegar o mesmo. Neste momento iniciou uma discussão e o homem teria a agarrado pelo pescoço até ficar ela sem ar.

Na sequência ele teria pego o filho do casal, à época do 2 meses de idade, e quando estava na parte externa da casa, teria agredido a mulher com chute na perna e xingamentos, fugindo na sequência.

De posse da informação, os militares iniciaram buscas e acabaram encontrando o acusado no Bairro Renascer.

Ele negou as acusações, mas diante do interesse de representação por parte da mulher, o homem recebeu voz de prisão e foi encaminhado à Delegacia da Polícia Civil, onde ficou a disposição da justiça. Já a criança foi devolvida para a mãe.

Fonte: Guia SMI com informações PM.

 

Sem comentários

comment Sem comentários ainda

Você pode ser o primeiro a comentar!

Envie uma comentário

Deixe seu comentário