Conecte-se conosco

Paraguai

Sequestro de São-miguelense no Paraguai: “Vamos saber se é um grupo novo ou se já havia trabalhado na área”, diz diretor da Polícia

“Este ato criminoso está levando pessoas anti-sequestro com um grupo de impostos. Com isso, não estou dizendo que não estamos trabalhando. Estamos reforçando esta área de maneira prudente ”, disse o cardeal el Crio à ABC. Silvino Leguizamón, Diretor da Polícia de Alto Paraná, sobre o sequestro de Sandra Cristina Maceda Rubert, que foi capturada no sábado passado no bairro General Díaz, bairro de Mbaracayú, em Alto Paraná.

Publicidade

Segundo ele, foi a própria família da vítima que pediu à polícia que saísse do local para negociar com os sequestradores, que impôs essa condição. “É responsabilidade de todos. Continuamos trabalhando de forma coordenada, mas a mesma família havia pedido que a Polícia deixasse a área ”, disse.

Da mesma forma, comentou que as tarefas investigativas procuram reconhecer se as pessoas que capturaram a mulher fazem parte de um grupo estabelecido ou de uma nova gangue criminosa. “Quanto ao grupo, acho que, com a investigação que está sendo feita, saberemos se é um grupo novo ou se já havia trabalhado na área”, disse.

É importante lembrar que ontem, segunda-feira, Milton Gabriel Rubert, marido da sequestrada, pediu aos investigadores e à imprensa que saíssem do local para negociar com os sequestradores. Ele também afirmou que não tem os US $ 250 mil exigidos pelos sequestradores em troca da libertação de sua esposa e mencionou que talvez os criminosos tenham tido o objetivo errado, porque sua família não é rica.

Sandra Cristina Maceda Rubert foi sequestrada no último sábado à tarde, quando saía para sua caminhada diária. O plágio foi denunciado pelo marido na delegacia jurisdicional e, segundo ela, uma pessoa com sotaque brasileiro entrou em contato com ele e pediu a quantia de US $ 250 mil para libertar a mulher.

Fonte: Abc.com.py

Continue Lendo
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Copyright © 2021 Portal Costa Oeste.